08/05/2013

The Saga of the Games - God of War


Olá espíritos, deuses, semideus, monstros, magos e quem mais estiver ai com a gente.

Contém cenas proibidas para menores de 18 anos e para quem odeia spoiller. O post é longo.

Como prometido a um bom tempo atrás, eu vim postar sobre games, para ser mais especifica God of War, que pode ser resumido como um game violento a sua propria forma, com bastante ação e como tema principal a vingança e mitologia grega. O primeiro God of War foi lançado em março de 2005 pela divisão de Santa Mônica da Sony Computer Entertainment.



A Jogabilidade é interessante para um game do gênero.
Com uma câmera em terceira-pessoa, o jogador controla o personagem Kratos em um jogo que mistura elementos de combate, plataforma e quebra-cabeças. O jogador normalmente tem de guiar Kratos através de uma longa série de testes, provas e labirintos para atingir os objetivos.
As principais armas de Kratos são as Blades of Chaos (Lâminas do Caos) e, como arma secundária, a Blade of Artemis (Lâmina de Ártemis). A mágica também pode ser evoluída com quatro diferentes tipos de ataques disponíveis: Poseidon's Rage (A Ira de Poseidon), Medusa's Gaze (O Olhar de Medusa), Zeus' Fury (A Fúria de Zeus) e Army of Hades (Exército de Hades).
Uma habilidade especial chamada "Rage of the Gods" (Ira dos Deuses) também é adquirida, fornecendo invulnerabilidade temporária e aumentando os danos de ataque. Tal habilidade pode ser carregada ao matar outros inimigos. Atualizações de Vida e Magia - as Gorgon Eyes (Olhos de Górgona) e as Phoenix Feathers (Plumas de Fênix) - são encontradas durante o jogo dentro de baús feios de doer. Outros baús encontrados no jogo, contem esferas (Orbs), são marcados com a cor correspondente de suas esferas (verde, azul e vermelho). Green Orbs (Esferas Verdes) dão vida, Blue Orbs (Esferas Azuis) dão magia e Red Orbs (Esferas Vermelhas) dão experiência, que são revertidas em atualizações para as armas e habilidades mágicas, então sempre abra os baús.
Tive a boa sorte de começar a jogar o God of War III do meu primo esses dias e devo dizer que tem algumas diferenças. As principais armas de Kratos são as Blades of Exile (Lâminas do Exilio), exceto em um  curto período de tempo no início, quando Kratos usa as Blades of Athena (Lâminas de Atena). Novas armas incluem Claw of Hades (Garras de Hades), o Nemesis Whip (Chicote de Nemesis) e a Nemean Cestus (Cestus de Neméia). Esta última arma tem a capacidade de esmagar paredes e escudos feitos de Onyx, mas tem um alcance consideravelmente menor do que a Blades of Exile. As Claws of Hades e Nemesis Whip são semelhantes aos Blades of Exile, sendo ambas utilizadas da mesma forma como ela, mas com seus próprios combos e habilidades mágicas. Diferentemente dos jogos anteriores da série, o uso de magia é limitado a arma que está equipada, o que é uma droga, me custou muito esforço e inteligência para descobrir sozinha em meio a minha raiva. Por exemplo, o Army of Sparta (Exército de Esparta) só está disponível para uso quando Kratos está equipado com as Blades of Exile, ou seja, cada arma tem sua própria habilidade mágica.


Agora vamos ao super-iper-mega-master-blaster-plus-advacent-chuck-norris resumo que eu fiz.
Kratos é um guerreiro grego a serviço dos deuses. É revelado,em uma série de flashblacks (amo flashblacks), que Kratos foi um Capitão militar no exército de Esparta. Um guerreiro feroz, que guiava seu exército através de muitas vitórias, até que ele encontra com uma horda invasora de bárbaros. O Espartano é oprimido pelo grande número de inimigos, e está prestes a ser morto pelo Rei Bárbaro, quando, em um momento de desespero, ele clama pelo Deus da Guerra, Ares, e jurando-lhe uma vida de servidão se este o livrasse da morte e der-lhe poder para acabar com os inimigos. Ares ouve a oração de Kratos, e entrega as Lâminas do Caos ao seu novo servo. Kratos então retorna para confrontar o Rei Bárbaro e decapta o seu inimigo, mas isso teve um preço, ao atacar uma vila, Kratos foi enganado e mata sua filha e sua mulher. Depois disso ele renuncia sua servidão a Ares. Kratos é "amaldiçoado" e para que isso pare, ele tem que assassinar Ares, se o deus for morto ele será perdoado pelo assassinato de sua família, também.
Kratos é guiado pela deusa Atena até a cidade da mesma, que está sob ataque de Ares. Kratos abre caminho batalhando até o oráculo de Atenas, encontrando o oráculo, Kratos descobre que a única maneira de matar Ares é localizando e usando a Caixa de Pandora, um lendário artefato que dá a um mortal poderes para se matar um deus.
Após atravessar o Deserto das Almas Perdidas, Kratos convoca o Titã Cronos. Cronos possui o Templo de Pandora anexado em suas costas: um castigo imposto por Zeus a Cronos na Grande Guerra. Kratos escala o Templo durante três dias antes de atingir seu objetivo. Kratos finalmente encontra a Caixa de Pandora, mas ao tentar sair do Templo com o artefato ele é assassinado por Ares, que tem certeza de que seu ex-servo foi sucedido. Enquanto um grupo de harpias leva a Caixa à Ares, Kratos está a cair no Hades (e não é o suco). Kratos, no entanto, luta para sair do submundo, escapa e retorna a Atenas.
Ao recuperar a Caixa de Pandora de Ares, Kratos a abre e usa o seu poder para tomar os poderes de um deus. Apesar dos melhores esforços de Ares para acabar com Kratos, tanto fisicamente quanto mentalmente, Kratos sobrevive e mata seu inimigo com a lendária Lâmina dos Deuses. A cidade de Atenas é salva, e apesar da deusa Atena dizer que seus pecados foram perdoados, ela o informa de que seus pesadelos nunca irão cessar. Kratos então tenta cometer suicídio, lançando-se no Mar Egeu, mas Atena intervém. Como recompensa por seus serviços aos deuses, Atena lhe concede suas Lâminas, e Kratos se torna o novo deus da guerra. Daí o nome do game, ohhhhhhh!!!
 

Após Kratos se tornar o novo deus da guerra ,ele passa a ajudar os soldados de Esparta, liderando-os sobre varias batalhas e destruindo varias cidades dos outros deuses, ele e avisado por Atena sobre as consequências de seus atos, mas ele nem se quer a escuta. Nessa brincadeira ele salta do Olimpo para Rodes, onde enfrenta o Colosso de Rodes. Zeus, muito esperto na minha opinião, engana Kratos ao revelar que foi ele quem retirou seus poderes divinos e então tenta matá-lo, mas Gaia, a mãe da terra, não deixa. Ela fala para Kratos se vingar dos deuses por eles terem o traído,  encontrando as 3 Irmãs do Destino e revertendo o passado. Nisso, Gaia cura Kratos, que sobe de volta para onde Zeus o matara, e pronto para seguir, com o apoio dos Titãs, o caminho de seu destino "a bordo" do Pégasus, o cavalo alado.
Nesse vai pra lá, vai pra cá, Kratos começa a "ganhar" favores dos Titãs e poderes novos também, sem contar que ele passou por poucas e boas no processo. Depois de progredir um pouco em sua jornada, alcançando o Palácio dos Destinos, onde residem as Irmãs do Destino, Kratos descobre que Esparta fora arrasada por Zeus e por isso perde as esperanças, acreditando que jamais venceria Zeus. Porém, motivado por Gaia, matando o kraken, segue seu caminho e enfim encontra as irmãs do tempo, uma a uma. Depois de acabar com as duas primeiras irmãs, Kratos se depara com a terceira. Um monstro disforme, dela o espartano ganha um aviso: se ele persistisse com suas ações, destruiria todo o existente. Kratos não dá ouvidos e acaba por elimina-la também. Mais tarde Zeus vai dar outro sacode em Kratos, e quando estava o ponte de cumprir seu objetivo, Atena entra na frente para proteger o espartano e morre pelas mãos do pai. Zeus, enfraquecido, foge e volta para o Olimpo, para organizar os outros deuses para a guerra contra Kratos. Antes de morrer, Atena explica que fez aquilo pois se Zeus caísse, também todo o Olimpo cairia e seria este o fim dos deuses. Também disse que o pai que Kratos nunca conhecera era Zeus e que este temia que, assim como fizera com Cronos, Kratos tomasse seu lugar no Monte Olimpo. E morre.
Kratos ficou furioso por ter matado a única divindade pela qual nutria algum carinho e em posse da arma mais poderosa do universo (Blade of Olimpus),Kratos conversa com Gaia dizendo a ela que Zeus está fraco, Ares e Atena estão mortos e que ele possui a Lâmina do Olimpo (Blade of Olympus), e diz que eles podem ganhar está guerra mais não neste tempo, levando Gaia e todos Titãs para o futuro.
Kratos parte com os titãs rumo ao Olimpo para pôr fim a era dos deuses. Enquanto isso Zeus depois de ter fugido da luta com Kratos, vai para o Monte Olimpo para uma reunião com os outros deuses, com o tema: Como devemos matar Kratos!? No momento da reunião o Monte Olímpo começa a tremer, os deuses vão correndo para ver o que é, e quando olham vêm os Titãs subindo o Monte Olímpo, liderados por Kratos que estava em cima da Gaia segurando a Blade of Olympus e diz "Zeus, seu filho retornou! E trago comigo a destruição do Olimpo!". A partir dai a coisa só esquenta.
 

God of War III inicia imediatamente no final de God of War II.
No topo da montanha, os deuses que sobraram se preparam para a batalha. Kratos em seguida aparece fazendo seu caminho passando pelo braço direito de Gaia, quando um leviatã, aparece e começa a atacar Kratos. Depois da batalha e de aparentemente matar um dos vários leviatãs, ele encontra com Poseidon em sua forma aquática, serio, o cara era literalmente água. Depois de enfraquecê-lo, Kratos tira Poseidon de dentro de sua "armadura aquática" e começa a espancá-lo, consequentemente matando Poseidon. Gerando uma inundação enorme que engole o mundo em água, fazendo com que apenas pudesse se ver pequenas partes das montanhas que ali ficavam. Mais tarde, Kratos e Gaia chegam ao topo do Monte Olimpo, e encontram com Zeus. Depois de uma conversa entre pai desnaturado e filho revoltado, Zeus os derruba (Kratos e os Titãs) do Monte Olimpo por um raio dele. Após ambos serem jogados para trás, Gaia tenta se segurar ao Monte Olimpo, mas acaba fazendo com que Kratos não consiga se segurar nela. Gaia diz que não pode ajudá-lo, e explica para Kratos que se ela ajudá-lo ambos iriam cair. Ela fala que a guerra dos Titãs com os deuses é mais importante que a vingança de Kratos, e que ele fora um mísero peão para essa luta. Após isso, ele cai do Monte Olimpo, enquanto Gaia continua tentando se segurar, nessa hora eu chinguei a mulher até cansar. Eu joguei até aqui, porque eu tinha que voltar para casa, então para montar esse post eu perguntei ao meu primo o que acontece e como ele é um bicho-preguisa que tem um inglês 1000X pior que o meu, ao invés de me contar o que acontece, ele só disse duas coisa: "Atena aparece de novo, então acho que ela não morreu." e "Kratos se mata no final, o que é uma *****! Porque os personagens mais ***** sempre morrem!?", depois disso ele ficou depre, o Kratos é o personagem favorito dele.


A minha avaliação geral sobre o game, levando em conta todo o meu conhecimento e experiência: três estrelinhas e uma Adaga do Tempo pro meu primo não pari um OVNI. É um bom game, é legal, vale a pena jogar, mas não é lá essas coisas. Jogue se quiser, não estou aqui para mandar em ninguém, estou apenas sugerindo.


Nada ver com o assunto. Mas quem liga!?

Créditos a minha pessoa, que jogou arduamente por horas a fio, meu primo e a mãe Wikipédia, que me ajudou a lembrar de detalhes importantes.


Bjs.